Os 12 Princípios que os Banqueiros Suíços Usam Para Enriquecer

Você alguma vez já parou para se perguntar porque os suíços possuem tanta fama no mundo quando o assunto é dinheiro? Incrível como todos ouvem o tempo todo sobre os bancos suíços, e contas milionárias na suíça… mas ninguém se pergunta, afinal o que tem de tão especial estes suíços?

Não se preocupe, eu citei aqui “todos” justamente porque eu também já estive entre a maioria que só ouvia falar, mas nunca tinha me vindo a ideia de questionar o porquê.

Acredito que esteja com dúvida agora, não é verdade?! Não se preocupe que até o fim deste artigo te garanto que você vai saber exatamente o porquê da sua fama ser tão grande, e quais são as estratégias usadas por eles…

Você ira descobrir os 12 Princípios usados pelos banqueiros suíços para alcançarem tanto sucesso financeiro e como você pode começar a aplicar isto ainda hoje!

Está preparado para pensar como os suíços sobre dinheiro?

Eu vou contar exatamente como aconteceu… eu estava comentando com um amigo meu sobre finanças e sobre investimentos… bem, até neste ponto um assunto normal; até que simplesmente soou da boca dele: “assim que ajuntar esta quantidade de dinheiro, pode ter certeza que eu vou colocar este dinheiro lá na suíça…” depois disso não ouvi mais nada…

E como já era de se esperar, fui para casa pensando nesta ideia, e começaram a surgir perguntas como as que fiz no início…

Bem, depois de bastante pesquisa, encontrei um livro esclarecedor sobre este assunto… confesso que li ele bem rápido; afinal a ideia que o livro passava era clara e objetiva. E é sobre estas ideias que vou comentar com você agora… O Livro se chama Os Axiomas de Zurique

Já ouviu falar?

Assim que acabar este artigo recomendo que corra na livraria mais próxima e adquira…

“Do alto das suas montanhas, os suíços olham o mundo à volta e veem-no cheio de riscos. Sabem que é possível a uma pessoa reduzir ao mínimo os riscos que corre, mas sabem também que, se fizer isto, tal pessoa estará abandonando toda esperança de vir a ser algo mais que um rosto na multidão.”

 

Este é um pequeno pedaço da ideia do livro… vou te dizer agora de uma vez uma de duas reações que você terá… a primeira: você vai achar o cara um louco; e segunda, você vai se achar um louco por não ter seguido estas ideias até hoje…. Afinal, resumindo o que ele disse acima, ou você perde o medo e arrisca, ou está fadado a viver como a maioria…

Se você tem medo de perder dinheiro você vai descobrir aqui porque não deve ter, e se você não tem, vai descobrir como ganhar ainda mais…

Costumo usar uma expressão que diz: Um pássaro corre riscos tanto na terra quanto nos céus; então melhor que corra riscos sendo livre.”

 

1# Principio 1 – Não Há Nenhum Mal em Arriscar

Principio 1 para enriquecer

Eu quero que ressoe uma unica pergunta em sua mente que você já sabe a resposta mesmo que inconsciente… você acredita que é possível ganhar algo sem arriscar algo?

Minha mãe costumava dizer que quem não arrisca não petisca… na verdade depois de alguns anos descobri que quem não arrisca não não vive, apenas sobrevive

Entenda; o medo é completamente normal em todo ser humano, ele se encontra no cérebro reptiliano, a parte mais primitiva do cérebro humano, na qual é acionado quando estamos em perigo iminente fazendo-o analisar se é melhor correr ou lutar… Os homens primitivos usavam esta parte do cérebro constantemente ao enfrentar animais selvagens; porem hoje, não temos este problema…

Você esta se perguntando aonde quero chegar com isto…

Simples, o medo que você sente de perder  não é o medo fisiológico do ser humano; este medo são certas crenças; uma lente que te faz enxergar o mundo exterior de uma forma e distorce-lo de acordo com sua verdade interior… este medo foi incutido em você desde criança o que te faz não arriscar quando é necessário.

Na vida, para qualquer espécie de ganho – em dinheiro, em estatura pessoal, o que quer que se defina como “ganho” -, você tem de arriscar um pouco do seu capital material e/ou emocional. Tem de comprometer dinheiro, tempo, amor, alguma coisa. Esta é a lei do universo.

Observando isto, os suíços concluíram que a maneira sensata de levar a vida não é fugindo aos riscos, mas enfrentando-os, não de forma irracional, mas com cautela e deliberação; arriscar de maneira tal que grandes ganhos sejam mais prováveis que grandes perdas… Não há como melhorar a sua situação econômica sem arriscar alguma coisa.

Mas contudo, existem algumas ponderações a serem analisadas segundo estes milionários suíços: Só Aposte no que valer a pena”. Naturalmente, não deve-se apostar tudo ou algo que vá deixá-lo em más condições, entretanto, deve-se escolher um valor que valha a pena frente ao ganho e risco a ser corrido. é valido não acha? Afinal, geralmente os riscos são maiores ao passo que se é possível ganhar mais.

Outra ideia que os suíços acreditam piamente é: Resista à tentação das diversificações. Isto esta soando um tanto estranho, não? Afinal de contas a maioria das pessoas acreditam que o melhor é diversificar seu dinheiro em varias formas de investimento… Bem, não é o que estes suíços diriam.

A ideia é simples: na ladainha dos aconselhamentos convencionais de investimentos, “uma carreira diversificada” está entre os objetivos mais procurados e reverenciados.

O fato é que a diversificação, ao reduzir os riscos, reduz também, na mesma medida, qualquer esperança que você possa ter de ficar rico. Se o seu capital inicial todo já não é grande coisa, diversificá-lo só piora. Ao diversificar, você cria uma situação em que, provavelmente, ganhos e perdas acabam se cancelando e o deixando exatamente onde começou. O assunto é realmente muito serio… isto porque eu sei, simplesmente porque fazia exatamente o contrario: diversificava ao máximo achando ter alguma vantagem…

Um pouco de diversificação, provavelmente, não fará mal. Três boas especulações, talvez quatro… Mas não diversifique só por diversificar. Você se torna um concorrentezinho num concurso de supermercado, no qual o objetivo é encher o cesto o mais rápido possível. Acaba indo para casa com um monte de porcarias caras que nem queria. Ao especular, você deve pôr o seu dinheiro em alternativas que realmente o atraiam, e em mais nenhuma.

Como dizem alguns, em Wall Street: “Ponha todos os seus ovos no mesmo cesto, e tome conta do cesto.” Este é o único clichê financeiro que resiste a análise. O primeiro que o disse não era certamente dado a diversificações. É muito mais fácil tomar conta de um, ou de uns poucos cestos, do que uma dúzia deles. Quando a raposa aparecer querendo roubar os ovos, você poderá cuidar dela sem ter de ficar correndo em círculos.

 

2# Principio 2 – Fuja da Sua Propriá Ganancia

Principio 2 da riqueza

“Entre no negócio sabendo quanto quer ganhar; quando chegar lá, caia fora.”

Vou deixar claro aqui de qual tipo de ganancia estamos falando, então vamos fazer uma pausa para definir estes termos:

Significa querer mais do que queria no começo, ou mais do que seria justo esperar, perdendo assim o controle dos seus desejos. Esta é a ganancia na qual você deve fugir o quanto antes…

Porem, você não deve confundir ganancia com ambição… certamente se você não fosse ambicioso nem mesmo estaria lendo este artigo… e não ha nenhum mal tudo bem?! É tipico do ser humano possuir ambições; é o desejo natural de maior bem-estar material, de adquirir coisas sem conotações pejorativas.

Então, para evitar a ganancia de continuar esperando sugar a ultima gota de leite é melhor definir um objetivo, uma quantidade X que deseja chegar com este investimento.

Uma boa maneira de reforçar essa sensação de “final” é estabelecer alguma forma de premiação para si próprio. Se quiser, que seja uma medalha. Antecipadamente, prometa-se que, se e quando alcançar o objetivo preestabelecido, pegará parte do lucro e comprará um carro novo, um casaco de peles, um piano, ou sairá com alguém que você ama para um jantar, fara uma doação; não importa, que seja algo que lhe der prazer.

Com isto, o final associa-se a algum fato real, a algum objetivo concreto.

 

3# Principio 3 – Não Conte Apenas Com Sua Esperança… Aja!

Principio 3 para enriquecer

“Quando o barco começar a afundar, não reze. Abandone-o.”

Não sei se você concorda com este conselho que os banqueiros suíços acreditam, mas gostaria que olhasse no meu ponto de vista…

Sabe porque muitas pessoas perdem dinheiro e oportunidades atoa? Ficam apenas na expectativa de dar tudo certo enquanto o mundo desmorona ao seu redor; mas não agem para fazer algo… acreditam que Deus simplesmente vai acabar com todos os problemas… hei Ele te da as ferramentas, você quer mais? isto vai ser importante… quer estimular a sua fé? Quem sabe não seria melhor pedir mais sabedoria para enfrentar os problemas ao invés de pedir que cessem as provas?

Traduzindo este conceito para investimentos A regra de ouro de Gerald Loeb dizia que se deve vender quando o preço de uma ação cair entre 10% e 15% em relação ao preço mais alto alcançado enquanto em seu poder. Não importa se, a essa altura, você estiver perdendo ou ganhando. Em todos os casos, a ideia é cortar os prejuízos cedo. Aceite pequenas perdas, para se proteger das grandes. Ou seja quando um investimento não estiver dando o retorno esperado, abandone-o e escolha outro.

4# Principio 4 – Previsões Sempre Serão Previsões e Nada Mais

Principio 4 da riqueza

É comum as pessoas acreditarem em certos “profetas” financeiros que contam com suas previsões acerca do futuro de determinados investimentos porem no mundo do dinheiro, um mundo moldado pelo comportamento humano, ninguém tem a mais remota ideia do que acontecerá no futuro.

O especulador de sucesso não baseia suas jogadas no que, supostamente, vai acontecer; ele reage ao que realmente acontece. O conselho é que trace o seu projeto especulativo baseado em reações rápidas a eventos que você vê acontecendo à sua frente, na hora. Naturalmente, ao escolher um investimento e colocar o seu dinheiro nele, você tem esperança de que o seu futuro será brilhante mas jamais, perca de vista a possibilidade de ter apostado no cavalo errado.

 

5# Principio 5 – Não se Deixe Levar Pelos Padrões

Principio 5 para enriquecer

Este quinto principio é valido ao mercado de ações porem, não se restringe apenas a ele… Não é só nas esquinas de Wall Street que este principio surpreende os desprevenidos; é também em galerias de arte, corretoras de imóveis, cassinos e leilões de antiguidades. Onde quer que se arrisque e se perca dinheiro.

A ilusão é mais que compreensível. Afinal de contas, onde é que se encontra mais ordem que no dinheiro? O dinheiro parece frio, racional, submisso à análise racional e a manipulações. Para ficar rico, parece suficiente encontrar um enfoque sólido e racional: a Fórmula. Todo mundo está atrás dessa Fórmula. Infelizmente, ela não existe. A verdade é que o mundo do dinheiro é um mundo desordenado, sem nenhum padrão de comportamento, um absoluto caos. De vez em quando parecem formar-se padrões ou desenhos, mas são efêmeros. Não constituem base sólida sobre a qual se possa erguer um plano. São atraentes, mas estão sempre enganando pessoas espertas… A melhor forma para se preparar para este mercado é se submeter a uma analise friamente técnica:

Conhecer o investimento é fator determinante para garantir que as melhores oportunidades estão sendo aproveitadas. Uma carteira de ações pode ser formada por inúmeras ótimas empresas de diversos setores lucrativos.

O maior risco que você corre no mercado de ações é aquele em que você não sabe o que está fazendo. Saber dizer se uma empresa é boa ou não, é tudo o que você precisa saber para colocá-la na sua carteira. E para saber disso, é preciso entender os conceitos técnicos do mercado e saber avaliar seus critérios.

E por fim, um método de aprender que minimize suas chances de perder tempo e dinheiro investindo em ações. Existe um treinamento especifico para investir em acoes que eu e milhares de pessoas no Brasil consideram o melhor ate então. o método Investidor de Sucesso ensina os 3 fatores necessários para ter sucesso no mercado de ações.

E claro, não poderia deixar de indicar o melhor livro que já li sobre o mercado de ações “Aprenda a operar no mercado de Ações” de Alexander Elder. Este livro ensina de forma muito clara e pratica em que mercados operar, como interpretar as teorias financeiras e como lidar com os obstáculos comuns ao sucesso ensinando a você os três aspectos principais das negociações – mente, método e dinheiro.

 

6# Principio 6 – Lance Raízes, mas Lance na Melhor Oferta

Principio 6 da riqueza

Em suma este principio se resume a:  se um investimento está ruim, parta para outro. Não fique esperando ele melhorar. Jamais hesite em sair de um negócio se algo mais atraente aparecer à sua frente. Afinal, estamos falando de dinheiro e não de pessoas; dinheiro não possui sentimentos. Há momentos em que se tem de escolher entre raízes e dinheiro. Se o seu objetivo é ganhar dinheiro pode ser um erro deixar-se prender demais a coisas materiais nas quais o seu capital esteja investido. Prenda-se a pessoas, mas não a casas nem a bairros.

Esta é uma velha historia que acontece com algumas pessoas que se apegam em imoveis antigos, apenas porque lhes trazem lembranças, e não decidem se querem vender ou permanecer com ele. Certo, para evitar frustrações a atitude mais inteligente seria uma de duas escolhas: decidir de vez que não ira vender ou vender logo enquanto a oferta é alta.

Se você gosta e pretende se tornar um investidor no mercado de imoveis posso lhe indicar os melhores livros que já li sobre este assunto: Livro Negro de Como Investir em Imoveis

Você talvez esteja pensando que é como qualquer outro livro sobre investir em imoveis… e eu também pensei assim ate descobrir que não era apenas um livro. Na verdade é um combo composto por três livros: O Livro Negro dos Imoveis que te ensina qual a melhor forma de comprar um imóvel; O livro Negro de como Investir em Imoveis que te ensina a como investir de forma profissional; e O Livro Negro do Financiamento de Imoveis, alem de diversas cartilhas, orçamentos e relatórios que apenas os corretores profissionais tem acesso

 

Outra maneira comum de deitar raízes é deixar-se envolver numa situação na qual fica esperando que algo dê resultados; mas que na realidade faz tempo que você não vê nem sequer um movimento positivo significativo neste investimento… você já cogitou em pegar este dinheiro e investir em outro lugar?

Isto não significa que deve ficar pulando de uma especulação para outra, como bolinha de ping-pong. Seus movimentos devem ser feitos somente depois de cuidadosa avaliação dos prós e contras; nenhum passo deverá ser dado por motivos triviais. Quando uma transação já tiver esgotado totalmente suas possibilidades, ou quando aparecer algo obviamente mais promissor, corte as suas raízes e vá em frente.

 

7# Principio 7 – Melhor Seguir Sua Intuição do que Um Palpite Errado

Principio 7 para enriquecerO desafio, aqui, é separar os que têm valor dos que não valem nada. O primeiro passo, então, será descobrir o que é um palpite, exatamente. De onde vêm esses estranhos pedacinhos de quase-conhecimento.  Ambas as atitudes são erradas: ridicularizar categoricamente os palpites, ou confiar neles indiscriminadamente. Embora não seja infalível, a intuição pode ser um útil instrumento especulativo, desde que tratada com cuidado e ceticismo. É simplesmente, a manifestação de uma experiência mental absolutamente comum: a de se saber alguma coisa sem se saber como se sabe.
Um palpite é um evento mental que ocorre na mais absoluta normalidade. Quando você é atingido por um forte palpite – por exemplo: ‘’Acho que esta companhia tem problemas maiores do que dizem!’’ -, é possível que essa conclusão seja baseada em fatos, em algo sólido que esteja arquivado em algum canto da sua mente. O que torna tudo espantoso é que se trata de informações que você não sabe que possui.

Se você tiver um palpite muito forte a lhe recomendar uma determinada jogada com seu dinheiro, então submeta este palpite a testes. Só confie nele se puder explicá-lo, isto é, se for capaz de identificar, na sua mente, um banco de dados do qual pode supor, com razoável certeza, que o referido palpite se originou. Não tendo o banco de dados, descarte o palpite.

 

8# Principio 8 – Querer Ser Rico Depende de Você e Não de Uma Ação Divina

Principio 8 da riqueza

É muito comum as pessoas confundirem a área espiritual com a financeira, e isto eu comento bastante nos artigos sobre mentalidade milionária… mas simplesmente, o dinheiro é importante aonde ele deve ser assim também como sua relação com Deus.

Em resumo, deve-se avaliar os fatos e não atribuir os nossos investimentos com base em religião ou previsões do futuro por tarô, cartas, etc. Acredite, se astrologia funcionasse para se tronar rico, todos os astrólogos seriam ricos.

O que eu realmente de fato acredito é que Deus disponibiliza todas as ferramentas para fazermos o que quisermos da vida, inclusive ficar rico,porem requer da nossa parte ter a iniciativa de pegar estas ferramentas e fazermos o que melhor nos convém. Estão ai disponíveis todo conhecimento nas diversas áreas, basta escolher e utiliza-las com afinco.

Então, resumindo esta métrica; quer enriquecer, não espere Deus jogar dinheiro do céu, estude, busque conhecimento, aplique o que aprendeu e ajuste os detalhes…

 

9# Otimismo + Preparo = Confiança

Principio 9 para enriquecer

Este é o nono dentre os Os 12 Principios dos Suíços Para Alcançar Riqueza… O que esta achando? Surpreendente não é mesmo? Continue lendo porque os próximos você vai se surpreender…

O nono principio usado pelos milionários suíços remete a ideia de que apenas o otimismo pode te levar a bancarrota… O otimismo demasiado pode toldar completamente o raciocínio em um momento de tomada de decisão.

Otimismo significa esperar sempre o melhor, o que pode levar o investidor a ficar esperando que algo de bom aconteça enquanto seu dinheiro se derrete em um mal investimento. Antes de pôr o seu dinheiro num negócio, pergunte-se como se safará se der errado. Tendo isto muito bem resolvido, já tem em mão algo mais que o mero otimismo. Tem confiança. A sua confiança te induzira a a saber lidar com o pior. Jamais faça um investimento apenas por otimismo.

O ideal em todo bom investimento é que você estude e conheça em detalhes antes de se lançar a algo desconhecido… assim o seu próprio preparo e conhecimento sustentarão seu otimismo, gerando mais confiança ao fazer qualquer tipo de transação financeira.

 

10# Principio 10 – Fuja da Opinião da Maioria

Principio 10 da riqueza

Certo; você já deve saber que este principio se resume a tudo e não apenas a investimentos… se a maioria tivesse razão, então esta maioria seria rica, correto?

Na nossa era democrática, no nosso democrático lado do mundo, tendemos a aceitar sem críticas a opinião da maioria. Se um monte de gente diz que é assim, tudo bem, assim seja. É como nós pensamos. Se não temos certeza de alguma coisa, vamos contar os votos. Desde o primário aprendemos que a maioria está sempre certa.

Essa humilde aceitação da opinião da maioria passa para a vida financeira. Não apenas são ouvidos economistas, banqueiros, corretores, assessores e outros especialistas, mas também as maiorias. E isto pode custar dinheiro, pois, como dizia Descartes, é mais provável que a verdade tenha sido encontrada por uns poucos do que por muitos.

A maioria das pessoas acredita que os antigos clichês são verdades indiscutíveis: “Vale mais um pássaro na mão que dois voando.” “Mantenha uma carteira diversificada.” “Arrisque somente apenas o que pode se permitir perder.” E assim por diante.. Isto posto, vale a pena observar que a maioria das pessoas não é rica.

Sabe o que estes suíços acreditam? Jamais embarque nas especulações da moda. Com freqüência, a melhor hora de se comprar alguma coisa é quando ninguém a quer. Por vez ou outra a maioria pode estar certa, mas na grande maioria das vezes esta errada. Cada caso é um caso, e você tem de pensar pela própria cabeça antes de envolver o seu dinheiro em riscos.

 

11# Principio 11 Não Confunda Persistência Com Teimosia

Principio 11 para enriquecer

Há inúmeras áreas da vida em que a perseverança pode nos ser muito útil. Em investimentos, porém, embora haja momentos em que é de utilidade, há outros em que pode levar-nos ao desastre. É preciso uma analise criteriosa do que esta acontecendo de fato.

Não há nada de errado em escolher seus investimentos por critérios talvez sociais ou culturais, desde que não se esqueça de que está no mercado, principalmente, para ganhar dinheiro. Talvez você tenha investido em algo que ate hoje não rendeu bons dividendos, ou ate pelo contrario, tenha perdido dinheiro; porem não é inteligente pensar assim: “Esse investimento levou o meu dinheiro. Eu vou ficar atrás dele até pegar o meu de volta, ou não me chamo Fulano de Tal!’’ De algum modo, você tem de derrotar essa vontade de perseverar quando a perseverança o está levando para o buraco.

Simplesmente troque de investimento afinal de contas, um ganho é um ganho, venha de onde for. Não importa de qual investimento venha, é dinheiro igual. Com todo um grande e maravilhoso mundo de opções aberto, por que ficar obcecado com o investimento no qual perdeu algum? Por que perseverar em um mal investimento, num momento em que outros investimentos, racionalmente considerados, podem ser mais promissores?

 

#12 Principio 12 – Fuja de Investimentos a Longo Prazo.

Principio 12 da riqueza

O que? Você esta pensando agora que eu escrevi errado, correto?

Errado… mas calma; é apenas uma questão de semântica. E também quero reafirmar que estes são critérios que os milionários suíços usam para enriquecer; leve para sua vida apenas o que for relevante para você… sei que você ouviu muita informação importante aqui que podem ser aplicados na sua vida financeira assim como também pessoal e profissional…

Parece um tanto controverso este ultimo principio porem para tudo se deve uma explicação… Preparado?

Então grave isto primeiro: O plano mais eficaz que você pode traçar para o longo prazo é o plano de ficar rico.

Agora que amenizou o impacto do titulo, podemos começar…

Para eles, planejamentos a longo prazo geram a perigosa crença de que o futuro está tudo sob controle. Segundo estes suíços, investimentos a longo prazo tem la os seus encantos. O maior deles, talvez, é que o aliviam de ter de tomar decisões freqüentes e talvez penosas. Você toma uma só – ‘’ compro isto e esqueço’’ – e relaxa. E isto bate de frente com o primeiro principio…

Além do mais, o fato de termos um pé-de-meia acoplado, como a maioria dos pés-de-meia, a
algum plano a longo prazo – como por exemplo plano de aposentadoria privada – dá um enorme quentinho na barriga, uma sensação de pura felicidade. A vida está todinha planejada! Nada pode lhe acontecer! Pelo menos é o que você pensa. O problema é que estes planejamentos dificilmente preveem o inesperado.

Decida-se a aprender tudo sobre os negócios que mais o atraem. Porém, jamais perca de vista a probabilidade… não, a certeza, melhor dizendo, de que o seu meio especulativo e as circunstâncias que o afetam se modificarão de forma que não é capaz de imaginar agora.

Este principio adverte para  os perigos de se planejar para um futuro que não se pode enxergar. Não deite raízes em planos ou investimentos a longo prazo. Em vez disso, reaja aos fatos à medida que eles se apresentam, no momento. Ponha o seu dinheiro em negócios, também à medida que se apresentam, e tire-os dos riscos assim que tais riscos apareçam. No livro Os Axiomas de Zurique, o autor conta varias historias e casos reais que remetem a isto…

É importante que valorize a liberdade de movimentos que lhe permitirá agir assim. Jamais assine qualquer papel que comprometa essa liberdade. Tudo que você tem de saber é que irá conseguir ficar rico, de um jeito ou de outro. É muito valida esta argumentação, pois como você deve ter visto no artigo: Como ter mais Foco; tudo começa com uma visão de futuro, de onde você deseja chegar.

Bem, estes são os princípios que regem os investimentos dos banqueiros suíços… Por sua vez, continuo acreditando que investimentos em imoveis são as melhores aplicações para se garantir retorno a médio e  longo prazo… Qual a sua opinião sobre isto?

Todos estes princípios são realmente relevantes e acredito que podem ser analisados do ponto de vista de investimentos… Inclusive este ultimo, acredito que seja controverso para muitos, e por isto gostaria muito que deixasse seu comentário no final deste artigo

Comenta também sobre o que achou dos 12 Princípios dos Suíços Para Alcançar Riqueza… Sera um prazer responder a cada um…

Tem um e-book em especial que acredito que ira te ajudar bastante se o seu intuito é alcançar  a independência financeira… por isto vou disponibiliza-lo gratuitamente: “Eu quero ser Rico”. Neste e-book você ira aprender o passo a passo para construir sua independência financeira através de sacadas bem interessantes de como e onde investir seu dinheiro. Para Fazer o Download do livro Clique no Botão Abaixo: 

Eu quero ser rico

Se desejar, você pode adquirir o livro físico no site Saraiva  Clicando Aqui!

Aconselho também a visitar o site do Autor Baster.com… La você terá acesso a conteúdos incríveis sobre finanças e investimentos.


Acredito que todo este material agregou valor a sua vida, assim como foi na minha, certo? Então aproveite para visitar os demais conteúdos do blog, certamente se aplicar tudo o que aprender, você terá excelentes resultados em sua vida. Não hesite em compartilhar este artigo com pessoas que você considera importante na sua vida. Compartilha com seus amigos, parentes e conhecidos, e posso garantir que eles se surpreenderão com a sua atitude… nos dois sabemos que muitas pessoas precisam ter acesso a estes materiais para mudarem de vida e você agora pode ser responsável por isto; basta clicar no botão acima.

Vou ficando por aqui; te desejo muito sucesso

Um Forte Abraço

Yuri Sander

Construa Valores que Constroem…

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *